• Jovens Projetistas Empresa Júnior

Engenharia elétrica e o mercado de trabalho

Entenda a área de atuação e a importância desse profissional



Fonte: Foto em Blog da engenharia.



O engenheiro eletricista é o profissional formado em engenharia elétrica. Além do diploma da graduação, o mesmo precisa da autorização do Conselho Regional de Engenharia, Arquitetura e Agronomia (CREA) para exercer a função.

O curso de engenharia elétrica geralmente tem a duração de cinco anos e sua estrutura curricular é composta por matérias como Matemática, Física, Química e Computação.


Na sua formação acadêmica o estudante terá disciplinas práticas trabalhadas em laboratórios. Deve também realizar o estágio supervisionado, assim como, a apresentação de um trabalho de conclusão (TCC).


Qual a atuação do engenheiro eletricista?


O engenheiro eletricista estuda plantas, por exemplo, projeta circuitos necessários para uma construção, quando estiver falando sobre um projeto de instalações.


Ele ainda especifica materiais, componentes, dispositivos e equipamentos elétricos, eletromecânicos, magnéticos, de potência, de instrumentação, de aquisição de dados e de máquinas elétricas.


Além disso, o profissional atua ainda no planejamento, instalação, operação e manutenção de sistemas elétricos, de medição, de instrumentação, de acionamentos de máquinas, de iluminação, de proteção contra descargas atmosféricas e de aterramento.


O engenheiro eletricista e a sustentabilidade


Com os avanços tecnológicos e as preocupações socioambientais, a busca por geração de eletricidade a partir de fontes alternativas virou a grande chave para o futuro da engenharia elétrica.


Dessa forma, o papel que o engenheiro eletricista deve ter é pensar no uso sustentável de recursos energéticos e questões como prevenção da poluição e a proteção da biodiversidade.


Com isso, é importante que o profissional esteja atento às novidades da área e, também, esteja disposto a buscar formas de solucionar essas problemáticas.


O mercado de trabalho


Alguns setores que contratam engenheiros eletricista são:


- Construção civil: Responsável por projetar circuitos elétricos durante as obras ou pela manutenção em empreendimentos existentes.


- Automação: O engenheiro eletricista atua na automatização de máquinas e sistemas principalmente no setor industrial.


- Fornecimento de energia elétrica: Possibilidade de trabalhar em usinas hidrelétricas, eólicas e solares ou em subestações e companhias elétricas.


- Telecomunicações: Atua em projetos de telefonia e sistemas ligados à comunicação e processamento digital.


- Eletroeletrônica: Seu papel consiste em criar e zelar pela manutenção de componentes eletrônicos para garantir o funcionamento de equipamentos diversos.


Quanto ganha um engenheiro eletricista?


De acordo com a Lei 4.950-A/66, de 1966, que regulamenta a remuneração dos profissionais diplomados em Engenharia, a tabela salarial do Engenheiro Elétrico está vinculada ao valor do salário mínimo vigente e à jornada diária do profissional, independentemente do seu local de atuação.

  • Jornada de 6 horas: 6 salários mínimos

  • Jornada de 7 horas: 7,25 salários mínimos

  • Jornada de 8 horas: 8,5 salários mínimos

A Engenharia Elétrica está entre as profissões mais bem pagas do Brasil, com salários iniciais acima dos R$ 4.000,00.

Seguem algumas médias salariais nacionais de engenheiros eletricistas divulgados na pesquisa do site de empregos Catho:

  • Trainee em Engenharia Elétrica: R$ 3.590

  • Analista de Engenharia: 3.284

  • Coordenador de Engenharia: R$ 8.464

Já o Site Nacional de Empregos (Sine) aponta média salarial de R$ 4.000 a R$ 16.500, dependendo do tempo de experiência do engenheiro eletricista e da empresa onde trabalha.

Assim, o engenheiro eletricista pode atuar em diversos segmentos e desempenhar diversas funções na sua área de atuação. É importante que esteja alinhado com as modernizações, os avanços tecnológicos e o meio ambiente.

Criatividade e desafios são esperados nos engenheiros eletricistas em um amplo mercado de trabalho.

19 visualizações0 comentário

Posts Relacionados

Ver tudo