Posts Recentes
Posts Em Destaque

Vantagens da utilização de Automação Industrial


Introdução


O mundo está cada vez funcionando de forma mais rápida e moderna, a cada dia uma maior quantidade de produtos e serviços são produzidos/prestados, o que torna enorme a competitividade no mercado global. Essa alta concorrência faz com que todas as indústrias e empresas estejam constantemente buscando por processos de produção mais eficientes, que tragam um rendimento de trabalho cada vez maior. Uma produção empresarial/industrial deve funcionar da melhor maneira possível para que seja garantida a qualidade do produto final, além disso, fatores como segurança no ambiente de trabalho e economia também devem ser colocados em primeiro plano, buscando assegurar um ambiente em que acidentes não ocorram e um planejamento que evite desperdícios de materiais, energia, tempo, entre outros.


Nesse contexto, a automação industrial se torna um fator essencial em qualquer indústria para que essa consiga funcionar com a melhor eficiência possível. A utilização de máquinas eletromecânicas, softwares e diversos outros equipamentos trazem inúmeros benefícios para as fabricas, e tais serão discutidos nesse artigo, mostrando de uma maneira ampla porque um serviço de automação industrial é extremamente importante.


1. Grande produtividade

Máquinas são capazes de realizar um trabalho específico com uma constância e uma velocidade definitivamente bem maiores que um trabalhador normal ou qualquer outro método utilizado. A máquina, por meio de um controle feito a partir de um circuito de comandos, sendo utilizado muitas vezes controladores lógicos programáveis e outros equipamentos, tem todas as informações do que deve ser feito na linha de produção. Desse modo, o sistema todo possui uma repetitividade e controle muito grandes em relação à produção, além também da vantagem de que o maquinário industrial opera 24h por dia e 7 dias por semana com a mesma performance e alta qualidade, desde que os processos de manutenção e inspeção estejam em dia. Já um trabalhador fazendo uma atividade por um longo período perde rendimento, fica inativo em intervalos de descanso, além de possuir limitações físicas em relação a velocidade e força, fatores que o impede de realizar a tarefa com eficiência máxima.

2. Segurança no ambiente de trabalho


A utilização de mão de obra humana para determinadas atividades industriais, muitas vezes expõem os trabalhadores a grandes riscos, de modo que eles podem vir a sofrer sérias lesões. Um exemplo são os trabalhadores que machucam a mão em laminadores, perfuradores e outros tipos de máquinas em indústrias metalúrgicas, alimentícias etc. Além disso, a falta de sinalização de perigo em situações de falha nas máquinas ou até mesmo para indicar estado atual de funcionamento delas (ligadas ou desligadas) são fatores que colocam em perigo a vida de muitos funcionários.


Visando evitar todos os problemas citados, a implementação de um bom sistema de automação industrial permite aumentar fortemente a segurança no ambiente de trabalho. Proporcionando um maior controle, a mão de obra humana pode ser dispensada de certas atividades que agora passam a ser feitas de forma automática. Além disso, um grande sistema de segurança com sinalizadores luminosos, sensores e outros componentes, garante que todos fiquem cientes caso apareça algum problema no maquinário. Por exemplo, uma indústria que utiliza uma esteira no processo de produção teria um painel com um sinalizador vermelho indicando seu funcionamento, um verde indicando que o motor da esteira está parado e um amarelo indicando estado de falha na máquina, entre outros sinalizadores que possam ser necessários. Ou seja, tudo seria sinalizado da melhor forma para garantir a segurança geral, evitando ao máximo acidentes possíveis.

3. Controle de informações simultâneas

Uma indústria que aplica a automação na sua produção consegue controlar diversas informações recebidas ao mesmo tempo com uma grande eficiência, isso é feito a partir de equipamentos que administram entradas de dados e realizam medidas especificas para que tudo funcione como o esperado.


O CLP (controlador lógico programável) é uma ótima maneira de exemplificar esse raciocínio de controle de informações. Esse componente é um dos símbolos da automação industrial, sendo basicamente um aparelho com um certo número de entradas digitais e analógicas, e saídas. Ou seja, sensores, botoeiras, controladores, entre outros, podem ser conectados ao CLP, e a partir de um programa feito no aparelho, esses elementos ativam saídas, que podem ser bobinas que fazem conexões em motores, por exemplo. Uma exemplificação prática seria uma empresa que possui uma máquina que precisa ter sua temperatura controlada, nesse contexto, é definida uma faixa de temperatura ideal de funcionamento, e a partir de uma leitura de dados de um sensor de temperatura, o CLP ativaria uma resistência para aquecer o motor até chegar na temperatura ideal (em casos de baixa temperatura), ou ativaria um sistema de refrigeração (em casos de superaquecimento).


A explicação dada com o CLP foi apenas um jeito simples de mostrar como a automação trabalha bem com o controle de dados, de modo que são inúmeras as informações que podem ser administradas, em inúmeros contextos e em diversos tipos de aparelhos.

4. Aumento da economia

Com a implementação da automação industrial ocorre um grande aumento da economia em diversos aspectos. Primeiramente, como já mencionado, a implementação de máquinas substitui a utilização de mão-de-obra humana em várias atividades. Junto a isto, a imprecisão humana no sentido de manejo e utilização de materiais é descartada, dando lugar a um maquinário extremamente rigoroso no controle de uso de materiais, evitando grandes desperdícios.


Além disso, o sistema de automação é projetado para que tudo funcione com a maior economia de energia possível, balanceando essa economia com uma grande eficiência e rendimento no processo produtivo.


A tecnologia empregada e todo o maquinário exigem algumas manutenções pontuais, mas não é um fator que gera gastos excessivos. É importante lembrar que gastos como esse se tornam mínimos quando comparados aos aspectos abordados em relação ao aumento da produtividade, eficiência e economia em outros setores. O saldo positivo de lucro e economia prevalece fortemente em um panorama geral.

Conclusão

Tendo o exposto em vista, foi possível esclarecer o que é a automação industrial, e toda a sua importância no contexto mundial atual, sendo essencial para garantir um aumento da produtividade, eficiência, economia e segurança nas fábricas.


Nós, da Jovens Projetistas, oferecemos um ótimo serviço de automação industrial, levando em consideração os aspectos abordados, para que o cliente possua a melhor experiência possível. Se interessou? Quer saber mais sobre a gente? Para mais informações entre em contato conosco através do nosso site: jovensprojetistas.com ou pelo nosso e-mail: contato@jovensprojetistas.com











Fontes:

https://fluxoconsultoria.poli.ufrj.br/blog/tecnologia-informacao/o-que-e-automacao-industrial/

https://www.citisystems.com.br/sete-beneficios-automacao-industrial/

https://fersiltec.com.br/blog/automacao-industrial/10-grandes-vantagens-da-automacao-industrial/


Siga
Procurar por tags
Arquivo
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square
DÚVIDAS, ORÇAMENTOS OU BENCHMARKINGS ? 

UMA EMPRESA JÚNIOR ENGAJADA NO MOVIMENTO E EM BUSCA DE UM BRASIL MAIS EMPREENDEDOR!

© 2019 • Jovens Projetistas • FEG/Unesp - Campus Guaratinguetá • Organização sem fins lucrativos

  • Grey Facebook Icon
  • Grey Instagram Icon